Adonay Echad


Seja bem vindo (a)!!!

Últimos assuntos
Bate Papo
Quem está conectado
3 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 3 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Seg 08 Fev 2016, 6:29 am
Parceiros



50




50








50




50



50

REÊ (OBSERVE): Deuteronômio 11:26 - 16:17

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

default REÊ (OBSERVE): Deuteronômio 11:26 - 16:17

Mensagem por Patrick em Ter 21 Dez 2010, 11:51 am

O segredo da Bênção consiste em dois aspectos: Deuteronômio 11:26-29 (A Bíblia – André Chouraqui)

Dois aspectos que determinam a bênção

1) A quem servir? A HaShem ou aos falsos deuses.
2) Obedecer os preceitos ordenados por HaShem.
3) Ouvir as testemunhas de HaShem, e em especial o Seu Filho Yeshua HaMashiach, que veio trazer a plenificação da Torah.

Obs.: Os deuses falsos são os anjos caídos, que ficaram conhecidos como demônios, e prometem o que não podem cumprir. Estes seres tem o prazer em oprimir os seres humanos, tratando-os como escravos. Os demônios tem o propósito de trazer destruição e desgraça na vida das pessoas.

4) Quando nos afastamos do Eterno, ou descumprimos voluntariamente os Seus preceitos, estamos nos colocando numa posição vulnerável à ação dos demônios. A maldição é justamente isto, ou seja, estarmos afastados do Eterno e sendo oprimidos pelos demônios.
5) O Eterno ordena que seja pronunciada as bênçãos no monte Guerisim e as maldições no monte Eval, a fim de que todos ouçam claramente a advertência, e tomem a decisão certa de como devem guiar as suas vidas.
6) Só o Eterno nos ama e o Seu Filho deu uma prova concreta deste amor, oferecendo o seu corpo físico como sacrifício. Através do amor do Eterno, da revelação da Torah, e do espírito sacrificial do Seu Filho Yeshua, nos é assegurado a herança no mundo vindouro
7) Embora cada pessoa tenha uma quantidade limitada de destinos, é dada a ela o livre arbítrio para tomar decisões, e é através destas escolhas que cada um encontra um dos destinos que lhe foi disponibilizado. Alguns destinos são ótimos e um é excelente, porém há destinos bastante amargos e tudo vai depender das decisões que cada um vai tomar durante a vida.

Obs.: Salvação: LER APOSTILA DO VIJOSITO

O Eterno proíbe o culto aos demônios e ordena que sejam derrubados os seus altares e triturados as suas esculturas. HaShem ordena que não prestem culto a Ele da mesma forma que os pagãos cultuam os deuses falsos e determinar um lugar para edificar o templo. Deuteronômio 12:3-7 e 11 (Bíblia Hebraica).

1) O sincretismo religioso, tanto usado no cristianismo romano é descartado pelo Eterno, que o considera errado.
2) O Eterno determina um lugar para receber culto. Onde existe a manifestação do Eterno, é preciso haver um processo de santificação, pois Ele é santo.
3) Um lugar santo: O Templo. Um povo santo: Israel e aqueles dentre as nações que foram enxertados na oliveira através de Yeshua. Dias Santos: As Santas convocações (As Festas Bíblicas), ordenadas pelo Eterno. Um templo móvel: o corpo de todos aqueles que servem o Eterno. A palavra morar (shachan) está ligada a mishcan (tabernáculo, morada) e shechiná (presença Divina).
4) A ordem da construção do tempo foi determinado na Torah e veio a existência através de Salomão, que realizou a vontade de seu pai David.

Obs.: Entendendo as palavras do Messias Yeshua

“Yeshua respondeu e disse: derrubem este templo e em três dias eu o levantarei” (João 2:19)

Ele se referia ao seu corpo, e de forma indireta ao próprio templo, pois na bíblia um dia pode significar mil anos, e justamente no terceiro milênio após a primeira vinda do Messias, ele voltará com um novo corpo e edificará o templo em Jerusalém. (um dia/mil anos: Salmos 90:4 e 2 Pedro 3:8.

“Ler João 4:19-24” (Novo Testamento Judaico)

Yeshua ensinou que a presença do Eterno é atraída quando uma pessoa O busca em verdade e em espírito. Assim, o que faz com que venhamos a sentir a presença do Eterno no lugar santo, nas santas convocações, no povo santo e no templo móvel (nosso corpo), é a nossa ligação espiritual com o Eterno, baseada na rendição a verdade e na conexão com Ele em espírito. Yeshua abriu a porta para podermos nos ligar ao Eterno em espírito, mas é preciso que haja em nós uma genuína entrega e busca.

Um Salmo expressa isto de forma muito clara: (Ler: Salmos, capítulo 15 – Bíblia Hebraica)

Comida Kasher, Dízimos, Tzedacá e Festas Bíblicas: Preparando o corpo para a manifestação do Eterno em nossas vidas. Deuteronômio 14:3,20,22, 15:11, 16:16,17

Há um versículo na B’rit Chadashá (Colossenses 2:16,17) que revela esta visão de prepararmos nossa vida para a manifestação do Eterno, porém foi distorcido no manuscrito grego. Isto ocorreu por um erro do copista ou pela manipulação da liderança da igreja romana. Na tradução do Aramaico vamos encontrar o versículo na sua forma original.

“Portanto não deixeis que vos perturbe a humanidade quanto a comer, ou ao beber; nem hesiteis em participar das festas, ou das luas novas ou dos shabatot. Tais coisas são o prenúncio daqueles que preparam o próprio corpo para ser julgado no Mashiach” (Colossenses 2:16,17)

As relações sexuais ilícitas impurificam o corpo, descredenciando ele para a manifestação da presença Divina.

Ler: 1 Coríntios 6:18-20 (Novo Testamento Judaico)

As maiores tentações para aqueles que tem um grande missão espiritual na vida.

Ler: Mateus 4:1. (A Bíblia – André Chouraqui)

Patrick
Colunista
Colunista

Mensagens : 41
Pontos : 124
Data de inscrição : 18/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum