Adonay Echad


Seja bem vindo (a)!!!

Últimos assuntos
Bate Papo
Quem está conectado
Não há nenhum usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e nenhuma Visita :: 1 Motor de busca

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Seg 08 Fev 2016, 6:29 am
Parceiros



50




50








50




50



50

Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

default Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 16 Nov 2010, 12:21 pm

Festas Bíblicas na Torah:

As festas bíblicas estão todas contidas na Torah, na 31ª porção semanal chamada Emór (Fala), situada no Livro de Vayicrá (Levítico), do capítulo 21:1 até o capítulo 24:23.
A 31ª porção é mais abrangente, não se referindo apenas às solenidades que o Eterno nos ordenou que cumpríssemos, de maneira que as festas bíblicas estão contidas no capítulo 23 de Vayicrá.

As Festas
São nove as festas dadas por D'us:

1. Shabat (Sábado);
2. Páscoa (Pêssach);
3. Hag Hamatzot (Pães Asmos);
4. Hag Bakurim (Primícias);
5. Shavuot (Pentecostes);
6. Rosh Hashanah (Trombetas);
7. Iom Kipúr (Dia da Expiação);
8. Sucót (Tabernáculos).
9. Chanukah (Festa das Luzes).

Convidado você acha que devemos comemorar as festas Biblicas ? Sim ? Não ? Porque ?
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Donizete. em Sex 26 Nov 2010, 5:12 pm

Sim. Porque se queremos seguir as tradições de um povo escolhido pelo próprio D-us, devemos festejar seus dias especiais.
avatar
Donizete.

Mensagens : 22
Pontos : 30
Data de inscrição : 20/11/2010
Idade : 48
Localização : Ibiuna

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Elder Henrique de Souza em Qua 08 Dez 2010, 3:50 pm

A lei exigia circuncisão para os que queriam participar dessa festa: 2. Páscoa (Pêssach); quando ainda estavam no egito.
Como fica isto!
Mas as festas são judaicas.
De modo algum um judeu deve abandonar suas leis e tradições.
São festas! Yeshua comemorou!
Mas há alguma exigência para isto?...
avatar
Elder Henrique de Souza

Mensagens : 51
Pontos : 58
Data de inscrição : 08/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Qua 08 Dez 2010, 4:02 pm

Shalom Elder...

A Torah não exigia (passado) ela exige (presente), A circuncisão apontada na Torah sempre foi a do coração.

Circuncidai, pois, o prepúcio do vosso coração e não mais endureçais a vossa cerviz (Dt 30:16).

Sabemos que muito da Torah eram sombras que ao devido tempo se tornaria a real vontade divina e a questão da circuncisão alcansou tal patamar.

Circuncidai-vos para o SENHOR e tirai os prepúcios do vosso coração, ó homens de Judá e habitantes de Jerusalém, para que a minha indignação não venha a sair como fogo e arda de modo que não haja quem a apague, por causa da malícia das vossas obras. (Jr 4:4)

E o SENHOR, teu D'us, circuncidará o teu coração e o coração de tua semente, para amares ao SENHOR, teu D'us, com todo o coração e com toda a tua alma, para que vivas (Dt 30:6).

e Shaul nos explica quem é o verdadeiro Judeu:

Mas é judeu o que o é no interior, e circuncisão, a que é do coração, no espírito, não na letra, cujo louvor não provém dos homens, mas de D'us. (Rm 2:28-29).
Diante disso eu tenho extrema certeza que as festas Biblicas devem ser comemoradas, mas somente por circuncidados de coração.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Elder Henrique de Souza em Qui 09 Dez 2010, 10:18 pm

Diego escreveu:Shalom Elder...

A Torah não exigia (passado) ela exige (presente), A circuncisão apontada na Torah sempre foi a do coração.

Circuncidai, pois, o prepúcio do vosso coração e não mais endureçais a vossa cerviz (Dt 30:16).

Sabemos que muito da Torah eram sombras que ao devido tempo se tornaria a real vontade divina e a questão da circuncisão alcansou tal patamar.

Circuncidai-vos para o SENHOR e tirai os prepúcios do vosso coração, ó homens de Judá e habitantes de Jerusalém, para que a minha indignação não venha a sair como fogo e arda de modo que não haja quem a apague, por causa da malícia das vossas obras. (Jr 4:4)

E o SENHOR, teu D'us, circuncidará o teu coração e o coração de tua semente, para amares ao SENHOR, teu D'us, com todo o coração e com toda a tua alma, para que vivas (Dt 30:6).

e Shaul nos explica quem é o verdadeiro Judeu:

Mas é judeu o que o é no interior, e circuncisão, a que é do coração, no espírito, não na letra, cujo louvor não provém dos homens, mas de D'us. (Rm 2:28-29).
Diante disso eu tenho extrema certeza que as festas Biblicas devem ser comemoradas, mas somente por circuncidados de coração.

Muito show!!!
study
avatar
Elder Henrique de Souza

Mensagens : 51
Pontos : 58
Data de inscrição : 08/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 10:11 am

Amados,

Penso que a resposta a essa pergunta é e particular interpretação.

Está escrito:

Portanto ninguém vos julgue pelo comer, ou, pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados, que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de YAOHUSHUA. (Cl. 2:16-17).
- Quem és tu que julgas o servo alheio? Para seu próprio Altíssimo ele está de pé ou cai; mas estará firme, porque poderoso é YAOHU para o firmar. Um faz diferença entre dia e dia, mas o outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente seguro em seu próprio ânimo. Aquele que faz caso do dia, para o Altíssimo o faz. O que come, para o Altíssimo come, porque dá graças a YAOHU; e o que não come, para o Altíssimo não come, e dá graças a YAOHU UL. (Rm. 14:4-6).

Portanto, tentar julgar um irmão, pelo que come ou pelo que bebe ou pelo dia de guarda é, primeiramente, um pecado aos olhos de YAOHU UL; em segundo lugar, é falta de amor por Ele; em terceiro lugar é demonstração de ignorância dos ensinamentos bíblicos, pois Shaul diz que todos os dias são iguais.
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por ANSELMO GOLDMAN em Ter 21 Dez 2010, 11:04 am

As festas eram sombras... desapaguemo-nos das sombras para agarrarmos a REALIDADE que é HaMashiach (Col 2:17).
Não devemos observar na carne tais festas... aliás... festas estas que deveriam ser observadas no território de Israel não é mesmo??
(êX 34:23) "Três vezes no ano, todo macho entre ti aparecerá perante o Senhor JEOVÁ, D'us de Israel;"
Isto se cumpria, estando diante do Templo do SENHOR em Jerusalém!
Hoje... infelismente, nem Santuário existe!
Permanecem envergonhados aqueles que insistem em cumprir mandamentos cerimoniais... pois inclusive não é que não há templo... muito mais que isso, há uma mesquita no lugar do referido.

Isso, permitiu o ETERNO mesmo, esta vergonha Ele mesmo estabeleceu, para que corram aos pés de Yeshua e Nele vejam cumpridos os ritos cerimoniais do A.T.

Para os servos de Yeshua há Templo, Yeshua oficia como sumo-sacerdote diante de D'us no "verdadeiro tabernáculo, o qual o Senhor fundou, e não o homem." (Hb 8:2)
Não num santuário ou Templo em Jerusalém que servia "de exemplar e sombra das coisas celestiais" (Hb 8:5).

(Hb 9:11-12) "11Mas, vindo HaMashiach, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação, 12 nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.

Não faz sentido algum, apegar-se a observância de festas e datas cerimoniais uma vez que não há um Templo, nem sacrifícios nem levitas oficiando diante do ETERNO.
Em HaMashiach isto findou, não por ter sido abolido... mas por ter sido cumprido em Yeshua, hoje, Paulo diz que "HaMashiach, nossa páscoa, foi sacrificado por nós"1Co 5:7
Eu não sou contra a observância de festas, mas contra apegar-se as sombras e deixar de lado a realidade, afastando-se de Yeshua.

Shalom
avatar
ANSELMO GOLDMAN
Moderador
Moderador

Mensagens : 199
Pontos : 234
Data de inscrição : 10/11/2010
Idade : 40
Localização : Suzano SP

http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 11:15 am

Amado Anselmo,

O amado diz: “...não sou contra a observância de festas, mas contra apegar-se as sombras e deixar de lado a realidade, afastando-se de Yeshua.”

Sou do mesmo parecer, principalmente quando a prática está diretamente relacionada a obrigatoriedade para salvação.
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por ANSELMO GOLDMAN em Ter 21 Dez 2010, 11:18 am

Exatamente este é o problema.
Substituem a obra da cruz pela observância de ritos para justificação.
Sei que este não é o caso dos messianícos daqui, mas que correm o risco de pender para isso.
avatar
ANSELMO GOLDMAN
Moderador
Moderador

Mensagens : 199
Pontos : 234
Data de inscrição : 10/11/2010
Idade : 40
Localização : Suzano SP

http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 11:44 am

Entendo perfeita mente a preocupação do amao.

Essa foi também a preocupação dos antigos, estes, foram duros no combate as doutrinas legalista.

- Então alguns que tinham descido da Judéia ensinavam assim aos irmãos: Se não vos circuncidardes, conforme o uso de mehushua (Moisés), não podeis ser salvos. Tendo tido Shaul e Barnabé não pequena discussão e contenda contra eles...........E YAOHU que conhece os corações, lhes deu testemunho, dando-lhes o Rúkha ULHIM, assim como também a nós e não fez diferença alguma entre eles e nós, purificando os seus corações pela fé. Agora, por que tentais a YAOHU pondo sobre a cerviz dos discípulos um jugo que nem nossos pais puderam suportar? Mas cremos que seremos salvos pela graça do Altíssimo YAOHUSHUA hol-MEHUSHKHAY, como eles também. (At. 15: 1-11).

- Estais pois firmes na liberdade com que YAOHUSHUA nos libertou......(Gl. 5:1-4).


Porque nós deveríamos guardá-lo hoje?
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por ANSELMO GOLDMAN em Ter 21 Dez 2010, 12:43 pm

Perfeito irmão
isso mesmo
a paz
agora entendi
avatar
ANSELMO GOLDMAN
Moderador
Moderador

Mensagens : 199
Pontos : 234
Data de inscrição : 10/11/2010
Idade : 40
Localização : Suzano SP

http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 21 Dez 2010, 1:14 pm

Bem, Irmãos...

A questão é tão somente única:

Nada infere na Salvação se não duas coisas: A INCREDULIDADE e a DESOBEDIÊNCIA.

A incredulidade conhecemos e a desobediância??

O que vemos é que o mesmo D'us de ontem é o mesmo hj e vemos que Ele mesmo se preocupa ainda com suas festas mesmo estando na Nova Aliança.

Quando que se cumpriu a profecia de Joel 2 ???

Exatamente em uma festa e vemos nitidamente na Brit hadashah a preocupação dos apostolos em celebrarem tai festas. Vemos ainda que a vinda de Yeshua será nas festas das trombetas, sendo ele mesmo aquele que ajunatá seus ecolhidos para a reunião solene.

___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 1:24 pm

Amado Diego,

Porventura, YHWH (Lê-se Yaohuh) tem tanto prazer em holocaustos e sacrifícios, como em que se obedeça à Sua voz?

Eis que o obedecer é melhor do que o sacrificar, e o atender, do que a gordura de carneiros E o ensino do Rúkha para Sua Igreja é somente este: Agora, por que tentais a YAOHU pondo sobre a cerviz dos discípulos um jugo que nem nossos pais puderam suportar? Mas cremos que seremos salvos pela graça do Altíssimo YAOHUSHUA hol-MEHUSHKHAY, como eles também. (At. 15: 1-11).
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 21 Dez 2010, 2:10 pm

Como é Pereira???

As Festas do Eterno é um peso para os homens ??

Irmão vc já leu Rm 7 ???

O Homem é que é um miserável, a Lei do Eterno é Justa e boa.

___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 2:14 pm

Amado do Altíssimo,

Acaso nunca leste nas escrituras sobre este assunto:

Atos 15:10 Agora, pois, por que tentais a ULHIM, pondo sobre a cerviz dos discípulos um jugo que nem nossos pais nem nós pudemos suportar?
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 2:20 pm

Quanto a Romanos 7, o ensino é bem claro que se morremosi com o Ungido estamos de fato livre da Lei.

Romanos 7: 1 Ou ignorais, irmãos (pois falo aos que conhecem a lei), que a lei tem domínio sobre o homem por todo o tempo que ele vive?
2 Porque a mulher casada está ligada pela lei a seu marido enquanto ele viver; mas, se ele morrer, ela está livre da lei do marido.

4 Assim também vós, meus irmãos, fostes mortos quanto à lei mediante o corpo de Mehushkhay (coromido como C-isto), para pertencerdes a outro, àquele que ressurgiu dentre os mortos a fim de que demos fruto para ULHIM.
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 21 Dez 2010, 3:00 pm

Pereira escreveu:Quanto a Romanos 7, o ensino é bem claro que se morremosi com o Ungido estamos de fato livre da Lei.

Romanos 7: 1 Ou ignorais, irmãos (pois falo aos que conhecem a lei), que a lei tem domínio sobre o homem por todo o tempo que ele vive?
2 Porque a mulher casada está ligada pela lei a seu marido enquanto ele viver; mas, se ele morrer, ela está livre da lei do marido.

4 Assim também vós, meus irmãos, fostes mortos quanto à lei mediante o corpo de Mehushkhay (coromido como C-isto), para pertencerdes a outro, àquele que ressurgiu dentre os mortos a fim de que demos fruto para ULHIM.

Sim o Ensino é Claro, mas nem todos entendem e seu comentário revela isso.

Romanos 7: 1 Ou ignorais, irmãos (pois falo aos que conhecem a lei), que a lei tem domínio sobre o homem por todo o tempo que ele vive?


1- Paulo escrevendo para romanos insta que no meio deles existem aqueles que conhecem a Torah

2- E logo indaga aos conhecedores se eles não sabem que a Lei VIGORA no Homem enquanto ele vive.
Se a Lei vigora é porque nunca foi abolida, sendo assim erra quem assim afirma.

3- Se o homem que vive tem obrigação de cumprir a Lei é porque esta ativa nos vivos.

Romanos 7: 2: Porque a mulher casada está ligada pela lei a seu marido enquanto ele viver; [b]mas, se ele morrer, ela está livre da lei do marido.

Somente a morte pode libertar o homem da sua obrigação de estar sob a Lei e não debaixo dela, ou seja, sendo um maldito, um pecador. Paulo está começando uma figura de linguagem usando a morte como uma fonte para o que ele quer exprimir.

Romanos 7:3 Assim também vós, meus irmãos, fostes mortos quanto à lei mediante o corpo de Mehushkhay (coromido como C-isto), para pertencerdes a outro, àquele que ressurgiu dentre os mortos a fim de que demos fruto para ULHIM.

Morrer para a Torah, não significa que ela foi abolida, mas remete aqueles que conhecem a Lei que morrer para torah é não mais poder ser alcansado pelas condenações que ela aponta, pois simplesmente não praticamos os atos que ela se refere como iniquidade.
Veja amado que eu já te disse que existe varios tipos de mortes e elas podem ser representadas de várias formas. Em Rm 6:11 Paulo explica que morremos para o pecado. Mas será que o pecado foi tbm abolido ? Não existe mais? . Se passarmos a considerarmos que nossa morte para a Torah é sinonimo de abolição, então necessariamente teremos que acreditar que o pecado tbm foi abolido e que jamais pecamos. Não estariamos falando de um perdão, mas a própria inexistência do pecado.

Quando nascemos de novo somos chamados a sermos nova criatura considerando que o pecado não é mais parte de nossa rotina e nesse momento somos alertados que morremos para o pecado e se morremos para o pecado ele não nos alcansa, pois a mulher só está ligada ao marido enquanto ele viver, portanto se morremos para a Lei é porque de forma exelente estamos a cumprindo sem que ela nos alcanse assim como o pecado não tem mais poder em nós, a Lei tbm não terá.

As Escrituras são claras a Lei foi feita para os transgressores e não para os justos, pois os justos andam em novidade de vida, em nada trangredindo a Torah.

Veja querido, A Lei de não matar é condenatória a quem ? A Lei do adúlterio reprova a quem?

Tais leis só reprovam quem tais atos comentem, portanto eu e vc estamos mortos para tal pecado, assim tbm como mortos para essas Leis, elas jamais nos reprovarão lançando em nós a maldição registrada para tais tipos de pecados, por isso estamos mortos.

Vc não citou o restante do texto de Romanos porque?

Só porque ele diz que a Lei é espiritual, boa, agradavél, a plena vontade de D'us ?



___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 3:17 pm

Amado Diego,

O AMADO DIZ: Vc não citou o restante do texto de Romanos porque? Só porque ele diz que a Lei é espiritual, boa, agradavél, a plena vontade de D'us ?


Na verdade não citei, por que a bíblia deve ser entendida dentro do contexto Bíblico. O contexto dos texto não deve de forma alguma anular o que é ensinado no contexto Bíblico Global.

Observe que o ensino ministrado no capítulo 7 eé seqüência o que foi dito nos capítulos anteriores.

E observe que é justamente no capítulo anterior que nos é informado que o renascido morreu para o mundo, morreu para a lei para andar em novidade de vida.

ROMANOS [6]
3 Ou, porventura, ignorais que todos quantos fomos imersos em Mehushkhay Yaohushua fomos imersos na sua morte?

4 Fomos, pois, sepultados com ele pelo imersão na morte, para que, como Mehushkhay foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida.


Essa conclusão é obvia por que aqui é do que pela morte do ungido, fomos justificados do pecado.

7 Pois quem está morto está justificado do pecado.

Se fomos justificados do pecado, com certeza estamos agora livres da lei.

14 Pois o pecado não terá domínio sobre vós, porquanto não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.


Este ensino é claro nas escrituras.
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 21 Dez 2010, 4:04 pm

Se fomos justificados do pecado, com certeza estamos agora livres da lei.

Vou fazer de conta que vc está certo, me explique o que é pecado.

mas por favor responda aqui:

http://adonayechad.forumeiros.com/t3-a-torah-foi-abolida?highlight=torah

___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 4:30 pm

Amado Diego,

O amado pergunta: “me explique o que é pecado.”

RESPOSTA: E tudo o que não provém da fé.

Romanos 4:23 ... e tudo o que não provém da fé é pecado.

Por isso está escrito: “Mas o justo viverá da fé.”

Romanos 1:17 Porque no evangelho é revelada, de fé em fé, a justiça de ULHIM, como está escrito: Mas o justo viverá da fé.

E sem fé é impossível agradar ao Altíssimo.

Hebre-s 11: 6 Ora, sem fé é impossível agradar a ULHIM; porque é necessário que aquele que se aproxima de ULHIM creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.

avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Ter 21 Dez 2010, 4:31 pm

Irmãos ...

Algumas coisas podem ser ditas:

O Apostolo do Gentios se esforçava para estar presente as festas BIBLICAS (Atos 18:21, I Cor 16:8, I Cor 5:7-Cool Portanto não poderia ser cotraditório em si mesmo.

As festas servem de memoriais daquilo que foi prometido, cumprido e se cumprirá, obviamente com os devidos simbolismos já atualizados no Messias.

Veja, Judeus messiânicos não atestamos queda disso ou daquilo na Torah, nos cremos nela em pleno vigor até mesmo no que diz respeito a Leis sacerdotais. Contudo sabemos e entendemos que a Torah é sombra da vontade do Eterno e gradativamente seus simbolismos vem sendo substituido pelos fatos reais.

Por exemplo o sistema sacrificial não foi abolido Ele é vigente, porém não da forma incompleta conhecida no Sinai mas sim no cumprimento vicário no Messias.

Assim tbm com as Solenidades, seus simbolismos aos poucos foram sendo migrados e com isso já podemos comemorar plenamente com a devida vontade do Eterno.

Vale ainda lembrar que mesmo em periodo Milenar esteremos comemorando as fetas biblicas ( Zc 14:166) e na Nova Terra tbm ( Is 66:21-23), portanto é impossivél que estejam invalidadas.

___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Pereira em Ter 21 Dez 2010, 4:48 pm

Amado Denis,

Algo muito importante que devemos entender que agora no Ungido, somos Novas criaturas.

Um erro muito comum nos tempos atuais, quando observamos o comportamento de alguns dos Yaohudim que creram, não querem abrir mão das coisas velhas, dando sempre a máxima importância a esclarecer que são yaohudim por descendência genética, e muitas vezes procurando viver ainda as tradições da religião judaica, sem considerarem que são novas criaturas em YAOHUSHUA e que as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo.
Enquanto isso, outros (Goym), mesmo não tendo nenhuma tradição judaica de família ou descendência genética, se tornam religiosos, querendo eles viver pelas tradições da religião judaica, ficando, por assim dizer, "judaizados exteriormente", e igualmente ignorando o fato de que estão em YAOHUSHUA e são novas criaturas, tendo as coisas velhas já passado, e tudo tendo sido feito novo.
Quando as escrituras dizem que as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo, é porque AS COISAS VELHAS JÁ PASSARAM, EIS QUE TUDO SE FEZ NOVO.

YAOHUSHUA, nosso Salvador, jamais veio nos convidar a sermos religiosos praticantes da religião judaica, nem aos judaicos e nem aos gentios. O que YAOHUSHUA nos disse a todos, com suas exatas e maravilhosas palavras foi que "aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de YAOHUH UL".
Importa nascer de novo, e ser nova criatura, como é afirmado em Gálatas 6:15, esclarecendo que a circuncisão (yaohudim) não é coisa alguma, e nem a incircuncisão (gentios) é coisa alguma, mas tão somente o sermos novas criaturas.
Não importa o que fomos, se yaohudim ou goym, mas importa o que agora somos. O que fomos, no nascimento, se yaohudim ou goym, isso faz parte das coisas velhas que já passaram. O que somos no novo nascimento, verdadeiros yaohudim, unidos numa única oliveira verdadeira, é o que realmente importa.

Sermos UM, conforme Gálatas, é muito diferente de cada "etnia" ter seu próprio proceder. Sermos UM significa termos um só proceder, sejamos yaohudim ou goym.
Na Oholyao primitiva já observávamos alguns que, por espírito religioso separado do novo nascimento, se recusavam a deixar para trás as coisas velhas e deixar morrer a velha criatura, mas insistiam em viver segundo o modo velho, das coisas velhas, e fazendo distinção entre proceder dos goym e proceder dos yaohudim.
Os textos abaixo são um pouco longos, mas são de extrema valia para compreendermos os problemas que ocorreram na Oholyao primitiva, e como foram solucionados: Atos 15
Ora, com bom motivo foram levantadas essas questões na Oholyao primitiva, requerendo esclarecimento por parte dos emissários quanto ao proceder.
Em primeiro lugar vemos Káfos esclarecendo que YAOHUH "não estabeleceu distinção alguma entre nós (judaicos) e eles (gentios)".
Em segundo lugar, e não menos importante, é que Káfos esclarece que colocar pesado fardo sobre a cerviz dos discípulos é o mesmo que tentar a YAOHUH UL, o que é gravíssimo.
Em terceiro lugar, e de igual importância, Káfos esclarece que "nem nossos pais puderam suportar e nem nós".
Em palavras mais simples e diretas, Kafos, um yaohudi que creu em Yaohushua, estava dizendo que nem eles e nem seus pais puderam suportar o pesado jugo da religião judaica com todo o peso de lei que ela traz, e considerava tentar a YAOHUH UL querer colocar esse mesmo peso sobre os ombros dos gentios que agora eram purificados pela emunáh (fé).

Mas quem são esses que queriam, não só permanecer nas coisas velhas da religião judaica, como também colocar esse peso sobre o ombro dos gentios? Normalmente os que querem fazer tal coisa são os religiosos, cuja rebeldia de coração os impede de morrer e nascer de novo para serem novas criaturas, desejando permanecer debaixo da lei, e debaixo dos pesados fardos religiosos, e ainda querendo obrigar os outros a carregar igual fardo pesado sobre os ombros.
Vamos ler o que as escrituras esclarecem sobre esses, e como suas atitudes foram tratadas pelos emissários:

Esses, que se negam a deixar as coisas velhas para trás, sabendo que as coisas velhas já passaram e eis que tudo se fez novo, sim, esses são os religiosos dos nossos dias, tanto yaohudim como goym, os quais são convidados para o banquete, aceitam, mas não se livram dos trajes velhos e rotos que sempre usaram. São esses os que, já nos tempos da Oholyao primitiva, saíam sem nenhuma autorização, para perturbar irmãos com palavras, e transtornar as suas almas, tentando a YAOHUH UL quando procuravam lançar sobre os ombros dos irmãos o mesmo pesado fardo que eles queriam carregar, ou mesmo deixando a cargo dos irmãos carregarem o fardo pesado enquanto eles sequer o tocavam com um dedo.
Se por um lado, os gentios nunca tiveram descendência genética de Abruhám , e por outro lado, os yaohudim que creram tiveram, já não mais tem peso ou importância o fator genético ou étnico quando tratamos da oliveira verdadeira, porque tanto os yaohudim que creram como os gentios que também creram precisaram morrer e serem sepultados na água da imersão, para então nascer uma nova criatura que já não é mais de acordo com qualquer genética, senão apenas a filiação espiritual, segundo a emunáh (fé).
Para essa nova criatura, seja ela yaohudi ou goy, as coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo.

Um bom aprendizado com relação a esse assunto, é a repreensão de Shaul sobre Káfos, quando esse último parecia ter esquecido dessas coisas básicas da oliveira verdadeira. Vejamos:
Gálatas 2:14 - "Quando, porém, vi que não procediam corretamente segundo a verdade das Boas Novas, disse a Káfos, na presença de todos: se, sendo tu yaohudi (judaico), vives como goy (gentio) e não como yaohudi (judaico), por que obrigas os goym (gentios) a viverem como yaohudim (judaicos)?

Ora, Kafos não mais vivia conforme a religião judaica, com todos os fardos de lei e pesos de cumprimento de rituais, mas passara, corretamente, a viver fora da religião judaica, conforme os gentios que nunca participaram da religião judaica. Agora ele era repreendido por Shaul, porque, apesar de viver como gentio, queria obrigar os gentios a viver conforme os fardos de lei e rituais da velha religião judaica. É muito importante sublinhar que nem os yaohudim e nem os goym foram chamados para a religião judaica, mas sim para viverem em novidade de vida, livres da lei e dos rituais, no novo nascimento, onde as coisas velhas já passaram, e eis que tudo se fez novo. Creio, então, que é oportuno falarmos sobre a lei e a misericórdia, enquanto opostas entre si.
avatar
Pereira

Mensagens : 540
Pontos : 560
Data de inscrição : 21/12/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por ANSELMO GOLDMAN em Qui 23 Dez 2010, 10:14 am

Não deve haver fermento nas casas dos hebreus? Tá certo... não deve realmente haver fermento sob a pena de ser eliminado do meio do povo. Mas não saiam nos armários procurando o fermento em pó das dispensas, mas saiamos até nossos corações procurando o pecado das câmaras de nossa mente.
avatar
ANSELMO GOLDMAN
Moderador
Moderador

Mensagens : 199
Pontos : 234
Data de inscrição : 10/11/2010
Idade : 40
Localização : Suzano SP

http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por ANSELMO GOLDMAN em Qui 23 Dez 2010, 10:20 am

Devemos observar as festas?
Sim devemos.
De que maneira? Retirando fermento dos armários, colocando sangue de animais nas portas? comendo ervas amargas? fazendo barracas para passarmos alguns dias nelas???
Não, absolutamente. Observamos as festas de maneira espiritual e não carnalmente. A prendemos a fazer o "C" através da ilustração do rabo de um "C"achorro. Após aprendermos o "C" não precisamos mais do desenho do cachorro pois a sua função já está "cumprida" e não "anulada".
Observar as festas Bíblicas ainda desenhando cachorro ao fazer a letra "C" é totalmente desnecessário. Não faz nem bem e nem mal, é desnecessário.



Talvez irmão Diego estas postagens que tenho colocado aqui em "disputa" com você sejam totalmente desnecessárias, pois no final de sua postagem você parece assinar em baixo de tudo o que eu escrevo sobre este assunto ao colocar: Agora é evidente que os SIMBOLOS foram tirados dando espaço ao que é real.
Se os SÍMBOLOS FORAM TIRADOS dando espaço ao que é REAL, fiquemos com o que é REAL e deixemos os símbolos de lado pois foram Tirados.

fonte: http://www.torahweb.net/t881p80-devemos-comemorar-as-festas-biblicas#12087
avatar
ANSELMO GOLDMAN
Moderador
Moderador

Mensagens : 199
Pontos : 234
Data de inscrição : 10/11/2010
Idade : 40
Localização : Suzano SP

http://www.elohimomer.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Diego Yo'ets em Sab 08 Jan 2011, 3:02 pm

Exato irmão Anselmo...

Muito dos simbolismos foram retirados, não precisamos dos emblemas a fim salvítico, contudo celebrar as festas nos moldes nos dado é algo abençoadissímo pois foi o Eterno que nos ensinou.

Agora é obvil que dada a nossa situação urbana será algo dificilimo, posto que as festas eram praticamentes festas agrícolas.

___________________________Adonay Echad__________________________________________

A Lei não salva o homem pecador, apenas ensina o menino como deve andar.
avatar
Diego Yo'ets
Administrador
Administrador

Mensagens : 594
Pontos : 843
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 34
Localização : Fortaleza-Ce

http://adonayechad.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: Devemos comemorar as Festas Biblicas?

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum