Adonay Echad


Seja bem vindo (a)!!!

Últimos assuntos
Bate Papo
Quem está conectado
3 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 3 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 57 em Seg 08 Fev 2016, 6:29 am
Parceiros



50




50








50




50



50

TZAV – “Ordena” – Levítico 6:1 a 9:1

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

default TZAV – “Ordena” – Levítico 6:1 a 9:1

Mensagem por Patrick em Ter 21 Dez 2010, 11:56 am

1ª PARTE: (Levítico 6:1-6).

1.1 - O Eterno ordena acerca dos sacrifícios e mais uma vez começa com a oferta de Holocausto (Há Olá – Elevação)

• Sacrifício pelo pecado e pela culpa: Recebemos perdão.
• Oferta de adoração e agradecimento: Manifestamos o nosso amor e consideração ao Eterno.
• Oferta de Elevação: Reflete uma responsabilidade de demonstramos que realmente estamos levando a sério o Reino dos Céus. O princípio da oferta de elevação é:

o Consagração (palavra e oração)
o Domínio do espírito sobre a carne
o Obediência
o Renúncia
o Aproximação do Eterno e afastamento do mal e coisas semelhantes a estas.

1.2 – O Eterno ordenou que o fogo queimasse continuamente.

• Precisamos preservar dentro de nós o fogo do sacrifício que nos mantém próximos do Eterno.
• Precisamos buscar cada dia sentido para nossas vidas através do Mashiach que nos revela os caminhos do Eterno.
• Precisamos buscar crescimento e concerto diariamente.
• Precisamos de novos desafios e novas vitórias.
• Precisamos encontra sentido para nossas vidas no Eterno, através do Mashiach Yeshua.
• O Mashiach é o modelo de como devemos ser e ao mesmo tempo aquele que nos guia nos caminhos do Eterno. Por isto, precisamos estar sempre focados nele, pois é através dele que mantemos numa posição apropriada para estarmos em sintonia e comunhão com o Eterno.

1.3 – O nosso fogo, assim como o fogo do altar, é finito e tem limitações, mas quando obedecemos e o mantemos acesos, isto abre a porta para que desça o fogo Divino, que vem após termos alcançado o nosso limite, ou seja, termos feito tudo que realmente podíamos ter feito. (Levítico 8:35 e 9:1,2 e 23,24).

• Ler o livro do Rebe: Página 62.

• O fogo Divino nos Eleva verdadeiramente e plenifica a nossa intenção de elevação através da consagração.
• O fogo Divino nos coloca em um nível de unção que não poderíamos alcançar sozinhos.
• O fogo Divino vem até nós da parte do Eterno, através do Mashiach Yeshua.
• O fogo Divino acende uma chama dentro de nós, elevando-nos a um relacionamento mais espiritual e profundo com o Eterno e com o Seu Filho, o Mashiach.
• O fogo Divino vem sobre aqueles que estão mantendo o fogo comum acesso, através de um esforço sincero de se superar e crescer.
• O fogo Divino alcança aquele que encontrou o muro da sua própria limitação, pois fez tudo o que estava ao seu alcance para se auto-superar.
• O fogo Divino nos eleva acima das nossas limitações e nos capacita para tarefas e desafios muito maiores do que a nossa capacidade.

• O fogo comum dura sete dias, alcançando a plenitude. Só então o Eterno traz a existência o oitavo dia, o dia eterno, quando o fogo Divino se manifesta e traz a aprovação para a obra limitada do homem, elevando-o a uma posição além das suas limitações.

2ª PARTE: O perigo dos que cresceram e esqueceram que os elevou. Eles acham que podem andar sozinhos e este é o primeiro passo para a queda.

• Alguns homens saíram da posição que o Eterno os colocou por terem sido seduzidos pela vaidade e montaram impérios pessoais, que embora tenham alguma utilidade para o Eterno, no final terão suas obras queimadas pelo fogo e perderão suas recompensas na melhor das hipóteses, pois correm o risco de terem os seus nomes riscados do livro da vida (1 Coríntios 3:9a, 12-15). Tudo isto porque deixaram a obediência e o status de servo, para se tornarem usurpadores do Mashiach, pois só Ele recebeu a autoridade de Senhor sobre o homem e sobre a terra, justamente pela sua obediência e fidelidade ao Eterno.

“É melhor ser um simples funcionário do Reino dos Céus, do que o dono de uma “birosca”. Mesmo que a “birosca” se torna uma grande empresa, é insignificante comparada à grande obra que o Todo Poderoso está fazendo na terra”.

“O Eterno já delegou ao Seu Filho Yeshua o cargo de Senhor (gerente) da sua obra (empresa) e cada um de nós deve fazer aquilo que nos foi designado com amor, em obediência ao ungido do Eterno (Mashiach), pela direção do espírito do Eterno”.

O Rei Davi disse:

“Ó, D’us, que és nosso protetor, faz revelar-se a face do Teu Mashiach. Pois é melhor um dia nos Teus átrios do que mil fora deles; Prefiro estar à porta da casa do meu D’us, do que nas tendas dos ímpios (perversos)” (Salmos 84:9,10)
3ª PARTE: Quando o fogo Divino desce é um sinal claro da aprovação do Eterno. Nós fomos aprovados pelo Eterno. Cada um deve fazer a sua parte com excelência e amor, pois cada obra tem sua recompensa e são extremamente valiosas, porque tem delegação Divina.

• Quando somos aprovados pelo Eterno, nos tornamos cooperadores da Sua obra, e seja qual for o nosso trabalho, ele é grandioso e tem uma glória Divina, pois faz parte de algo muito maior do que podemos imaginar. Nos tornamos servos e cooperadores do D’us Todo Poderoso, do Seu Filho Yeshua, o Messias, e do Reino dos Céus.
• “Devemos estar muito felizes, por ter sido aprovados e sermos simples servos do Eterno. É melhor trabalhar na sua obra, do que abrir a sua própria obra, que por maior que seja, é insignificante comparada ao obra do Todo Poderoso e do Seu Filho Yeshua, o Messias”.

Ler: 2 Pedro (Kefa) 1:1-4 do Novo Testamento Judaico (traduzido por David Stern) – Página 250.

Patrick
Colunista
Colunista

Mensagens : 41
Pontos : 124
Data de inscrição : 18/11/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum